sábado, janeiro 13, 2007

O Fétido Respeito do Carioca...

Sou morador da cidade do Rio de Janeiro e pude constatar: Para nós, o lixo fica por aí, invadindo nossas calçadas e atraindo pragas, porém na Zona Sul, ele também está lá, só que bem escondidinho...
Este é o relato de uma cena que testemunhei pessoalmente, e que envio para os jornais O DIA, O Globo, os sites Terra e UOL.
Espero que obtenha alguma atenção dos nobres filtrantes da informação...

" Nesta sexta-feira dia 12 de Janeiro de 2007 estivemos, eu e minha namorada, visitando o Cristo Redentor. Logo na escadaria de subida, num local "longe dos olhos dos turistas", algumas latas de lixo deixado por visitantes estavam ao alcance de animais da Floresta, que fuçavam as mesmas em busca de alimentos. Como todos sabemos, a floresta da Tijuca, o Morro do Corcovado, o Pão de Açucar e outros, são um pequeno reduto remanescente da devastação da Mata Atlântica, e que por tal, deve ser preservado.
Pude constatar que isso não ocorre e, com uma fotografia, posso provar o ocorrido.
Mesmo com a cobrança de R$5,00 (cinco reais) por pessoa mais outros cinco reais por veículo que entra no parque, a administração florestal se mostra incompetente em manter o meio, colaborando para condições fora dos hábitos naturais de alimentação da fauna local. Para onde vai o investimento da verba arrecadada pela prefeitura na entrada do parque? Direcionar corretamente o lixo é o mínimo que deveria ser feito. A foto pode ser obtida no link:
http://www.geocities.com/rcvabrazil/DSCI0007.JPG
Espero ter ajudado e, com isso, contribuir mais pela cidade do Rio de Janeiro. "

Para os visitantes do blog, segue uma foto:


Como já falei anteriormente aqui no blog, tudo que eu possa fazer, sempre será mínimo, pois o que fazemos é apenas gritar no meio da multidão...mas prefiro gritar a me calar diante disso.

Comentários, por favor...